ATA DA 5ª REUNIÃO DO CONSECANA-PARANÁ - CONSELHO DOS PRODUTORES DE CANA-DE-AÇÚCAR, AÇÚCAR E ÁLCOOL DO ESTADO DO PARANÁ, REALIZADA NO DIA 28 DE JULHO DE 2000, NO AUDITÓRIO DA FAEP, EM CURITIBA – PR.

No dia 28 de Julho de 2000, às 9,00, no auditório da FAEP em Curitiba, sito à rua Marechal Deodoro, 450 – 15º andar, reuniram-se os Membros do Consecana-Paraná e convidados, para discutir e aprovar assuntos de interesse do setor, cujas presenças foram registradas no Livro de Presenças de reuniões do Consecana-Paraná.

Iniciando a reunião o Presidente do Conselho, Sr. Silvio Munhoz Lembi convidou para participar da mesa o Vice-Presidente do Conselho, Sr. Dagoberto Delmar Pinto e o Secretário Executivo, Sr. Adilson Ricardo. Deu boas vindas a todos e falou dos graves problemas que as geadas causaram ao setor agropecuário estadual, atingindo a cultura da cana-de-açúcar. Na sequência apresentou a pauta para a reunião e que os problemas das geadas seriam discutidos nesta reunião.

1º item da pauta – Aprovação da Ata da Reunião anterior. O Presidente solicitou ao Secretário Executivo para fazer a leitura da Ata da 4ª Reunião do Conselho, realizada no dia 03/07/00, na sede da FAEP. Colocada em discussão, foi sugerido apenas uma correção no nome do Departamento de Economia Rural e Extensão – da UFPR.. Após essa colocação a mesma foi aprovada por todos os Membros presentes.

2º item da pauta – Apresentação, pelos professores Canziani e Vania da UFPR, dos preços de comercialização praticados no mês de Julho de 2000.

Os professores da UFPR apresentaram várias planilhas nas quais se observa as variações dos preços de comercialização dos produtos resultantes da industrialização da cana-de-açúcar. Na seqüência apresentaram o Preço do ATR realizado em Julho de 2000 e o Preço da Cana-Básica em Julho de 2000. Após as apresentações e discussões, os Membros do Conselho aprovaram os valores e determinaram a nova Projeção de Preços da Cana-de-Açúcar para a safra 2000/2001. Esses resultados se tornaram, em conjunto, a Resolução nº 04 do Consecana-Paraná, com a seguinte redação:

"RESOLUÇÃO Nº 04/00

A Diretoria do Consecana-Paraná reunida no dia 28 de julho de 2000, no auditório da FAEP, em Curitiba e, atendendo os dispositivos disciplinados no Capítulo II do Título II do seu Regulamento, aprova e divulga o preço do ATR realizado em Julho de 2000 e a projeção atualizada do preço da tonelada de cana-de-açúcar básica para a safra 2000/2001.

Os preços médios do kg do ATR, por produto, obtidos no mês de Julho de 2000, conforme levantamento efetuado pelo Departamento de Economia Rural e Extensão da Universidade Federal do Paraná, são apresentados a seguir:

A)- PREÇO DO ATR REALIZADO EM JULHO DE 2000:

PREÇO DOS PRODUTOS – PVU – S/IMPOSTOS:

Produtos

Mês de Julho

Acumulado

Mix

Preço

Mix

Preço

AMI

3,40%

15,68

5,17%

14,82

AME

45,86%

10,19

31,68%

11,43

AEAr

3,13%

570,23

2,13%

536,09

AEHr

8,88%

490,60

6,82%

461,25

AEAd

10,51%

570,23

12,88%

504,29

AEHd

28,22%

490,60

40,95%

444,18

AEHof

0,01%

481,59

0,38%

425,68

 

PREÇO LÍQUIDO DO ATR POR PRODUTO:

Produtos

Mês de Junho

Acumulado

Mix

Preço

Mix

Preço

AMI

3,40%

0,1575

5,17%

0,1489

AME

45,86%

0,1023

31,68%

0,1148

AEAr

3,13%

0,1654

2,13%

0,1555

AEHr

8,88%

0,1485

6,82%

0,1396

AEAd

10,51%

0,1786

12,88%

0,1579

AEHd

28,22%

0,1632

40,95%

0,1477

AEHof

0,01%

0,1602

0,38%

0,1416

MÉDIA

0,1355

0,1383


B)- PROJEÇÃO DE PREÇOS DA CANA DE AÇÚCAR – CONSECANA-PARANÁ

MÉDIA DO ESTADO DO PARANÁ

SAFRA 2000/2001 – PREÇOS EM REAIS À VISTA:

PREÇO DOS PRODUTOS:

PREÇO DOS PRODUTOS - PVU - SEM IMPOSTOS

Produtos

MIX

Média

AMI

16,59%

15,58

AME

21,86%

10,73

AEAr

3,17%

459,31

AEHr

6,20%

429,77

AEAd

18,06%

456,23

AEHd

34,06%

427,10

AEHof

0,06%

425,03


PREÇO LÍQUIDO DO ATR POR PRODUTO

Produtos

MIX

Média

AMI

16,59%

0,1564

AME

21,86%

0,1078

AEAr

3,17%

0,1332

AEHr

6,20%

0,1301

AEAd

18,06%

0,1429

AEHd

34,06%

0,1420

AEHof

0,06%

0,1416

Media

0,1361

 

C)- PROJEÇÃO DO PREÇO DA CANA BÁSICA - R$ POR TONELADA:

CAMPO

ESTEIRA

Preço (121,9676 kg ATR)

14,86

16,60

PIS/CONFINS

0,56

0,63

TOTAL

15,42

17,23

Curitiba, 01 de Agosto de 2000."

Assinam o Presidente e o Vice-Presidente do CONSECANA-PARANÁ.

Esta Resolução ora aprovada será publicada no Boletim da FAEP, assim como será disponibilizada no link Consecana-Paraná da página da FAEP na Internet – www.faep.com.br.

Em função de alguns questionamentos sobre a projeção do preço da cana básica aprovado e divulgado pelo Consecana-Paraná, de que ele é inferior, em alguns casos, ao preço praticado por algumas unidades, ficou definido que deverá ser esclarecido, por todos os Membros do Conselho que esse preço refere-se a projeção e que varia conforme o valor do ATR da cana entregue.

3º item da pauta – Apresentação, pelo professor Canziani da UFPR, da proposta para a elaboração de Projeto envolvendo estudos referentes aos custos de produção industrial e agrícola do setor sucroalcooleiro, a fim de possibilitar a atualização e adequação, para o Estado do Paraná, de uma série de parâmetros técnicos e econômicos necessários ao cálculo do preço do ART no Estado.

Após a apresentação e as discussões, os Membros do Conselho concluíram da importância para se desenvolver este trabalho, mas a época não é oportuna, pois em primeiro lugar, terá que motivar todas as unidades industriais para participarem dos trabalhos e concluíram, assim, pelo adiamento da análise da proposta.

4º item da pauta – Avaliação da safra em função das geadas que afetaram a cultura da cana-de-açúcar. Concluíram os presentes que as geadas afetaram a cultura da cana-de-açúcar no Estado, mas, até o momento, não se tem números referentes aos prejuízos. Concluíram que esse assunto deverá ser discutido na próxima reunião do Consecana-Paraná, pois vários levantamentos e análises estão sendo feitos neste momento, sendo citado que a Alcopar irá promover uma reunião em Maringá no dia 01/08/00 para discutir e avaliar as perdas.

O Dr. Sidney sugeriu que o Conselho deverá acompanhar a evolução da produção da cana-de-açúcar e os reflexos causados pelas geadas, para que esteja preparado para prestar esclarecimentos seguros quanto às variações de preços. Proposta aprovada.

5º item da pauta – Assuntos Gerais:

a)- Revisão da projeção dos preços da cana-de-açúcar, açúcar e álcool: Decidiu o Conselho que se deverá aguardar mais um pouco de tempo, pois as geadas que atingiram parte dos canaviais no Estado, resultarão em flutuações de preços neste momento e, o levantamento poderá ficar mascarado.

b)- Pagamento das despesas de estadia e transporte dos Membros do Conselho: Ficou definido que as empresas/entidades que indicaram os representantes são as responsáveis pelo pagamento dessas despesas. No entanto, se ocorrer dificuldades para que algumas paguem essas despesas, as Entidades Mantenedoras que compõe o Conselho poderão, a seu critério, efetuar o pagamento das despesas dos representantes do seu setor. O que não pode ocorrer, segundo o Vice-Presidente do Conselho, sr. Dagoberto, é a ausência de representantes dos setores nas reuniões, por falta do pagamento das despesas.

Para reduzir essas despesas, ficou aprovado que a partir da próxima reunião, duas serão realizadas em Maringá e uma em Curitiba.

c)- Reunião da Comissão Nacional de Cana-de-Açúcar da CNA. Foi distribuído aos presentes uma cópia do relatório da participação naquela reunião e na ocasião, relatado os resultados da audiência com o Senhor Ministro da Agricultura, o qual respondeu, naquele momento, a cada uma das reivindicações apresentadas, inclusive falou da sua participação no Seminário Nacional de Cana-de-Açúcar que está sendo programado pela CNA.

Quanto ao Seminário que está sendo preparado pela CNA, para ser realizado no decorrer do mês de Setembro próximo em Brasília, deverá contar com palestras de representantes do Consecana-Paraná, da Alcopar e da Universidade Federal do Paraná. A programação está sendo definida e deverá ser realizado em um dia e meio, ou seja, iniciando-se às 14,00 horas de um dia e encerrando-se às 18,00 horas do outro dia. Todos os representantes do Consecana-Paraná deverão ser convidados, assim como todas as unidades industriais localizadas no Estado.

c)- Apresentação da Apostila do Consecana-Paraná: O Secretário Executivo apresentou a última versão da Apostila do Consecana-Paraná, que deverá ser impresso e distribuído aos produtores, arrendadores de terras, as indústrias e as demais pessoas envolvidas com o setor. Deverão ser impressos 3.000 exemplares, sendo que cada unidade industrial deverá receber 100 exemplares para distribuir aos seus integrados, ficando de reserva 200 exemplares. Os Senhores Silvio, Sidney, Dagoberto e Canziani receberam uma cópia da citada apostila para revisão final e, assim que concluírem a leitura, comunicarão as correções que deverão efetuadas, para após seguir para a impressão.

d)- Data da próxima reunião: Ficou definido que a próxima reunião do Conselho será realizada no dia 31 de Agosto, às 9,00 horas, na sede da Alcopar, em Maringá.

6º item da pauta - Encerramento: Como mais nada havia para ser tratado, o Presidente do Consecana-Paraná agradeceu a presença de todos os Conselheiros e convidados, desejando um bom retorno aqueles que viajariam e encerrou a presente reunião da qual se lavrou a presente Ata, que vai assinada por Adilson Ricardo – Secretário Executivo, Silvio Munhoz Lembi – Presidente e Dagoberto Delmar Pinto - Vice-presidente.