RELATÓRIO DA REUNIÃO DO GRUPO INSTITUCIONAL PARA ESTUDAR E PROPOR A CRIAÇÃO DO CONSECANA-PARANÁ, O QUAL DEVERÁ PROPOR OS LEVANTAMENTOS DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO DA CANA-DE-AÇÚCAR, DO ÁLCOOL E DO AÇÚCAR NO ESTADO DO PARANÁ, PARA A IMPLANTAÇÃO DE UM PREÇO DE REFERÊNCIA PARA MATÉRIA PRIMA, EM FUNÇÃO DO LIVRE MERCADO.


1)- DATA DA REALIZAÇÃO: 02/03/2000, NA SALA DE REUNIÕES DA FAEP/SENAR, EM CURITIBA.

2 PRESENÇAS:

 a)- PELO SETOR INDUSTRIAL:

MARCOS ROGÉRIO VINDOCA Vale do Ivaí Fone: 0xx43-4511133

Fax 0xx43-451-1488, e-mail: adm@valeivai.com.br e rogerio.vindoca@valeivai.com.br;

GIOVANI CRISPIM Sabarálcool Fone: 0xx44-822-1010

Fax: 0xx44-832-1497; e-mail:sabaralcool@uol.com.br;

LILIAN F. M. TICIANEL Fone/Fax: 0xx43-742-4533

e-mail:usiban@onda.com.br;

PAULO MISQUEVIS Fone: 0xx43-723-1040; Fax 0xx43-722-1223

e-mail:dacalda@uol.com.br;

FRED M. POLIZELO Fone: 0xx44-431-1441Fax:0xx44-431-1234;

e-mail:coopcana@fortnet.com.br;

DAGOBERTO DELMAR PINTO Fone: 0xx44-221-3331 Fax: 0xx44-221-3037;

e-mail:alcool@cocamar.com.br.

 b)- PELO SETOR RURAL:

SILVIO MUNHOZ LEMBI Sindicato Rural de Astorga; Fone/Fax 44-234-3903

IRIMAL APARECIDO BASSO Sindicato Rural de Rondon; Fone/Fax 44-742-1260

SIDNEY MENEGUETTI Sindicato Rural de Maringá; Fone/Fax 44-276-8000

SEBASTIÃO OLÍMPIO SANTAROSA Sindicato Rural de Tapejara; Fone/Fax 44-754-1560

JOÃO BATISTA MENEGUETTI Sindicato Rural de Paranacity; Fone/Fax 44-673-1212

ÉLIO RAMOS Sindicato Rural de Maringá Fone/Fax 44-231-1293.

 c)- PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ:

JOSÉ ROBERTO CANZIANI Fones: 0xx41-9973-9494 e 350-5604

e-mail:canziani@agfrarias.ufpr.br;

VANIA DI ADDARIO GUIMARÃES Fones: 0xx-41-9964-4093 e 350-5604

e-mail:addariov@agrarias.ufpr.br;

JOSÉ LUIS CAMARGO SAMBON Fones: 0xx-41-350-5719 e 350-5601

e-mail:ededaros@agrarias.ufpr.br.

 d) ASSESSORIA:

ADILSON RICARDO Fone: 0xx41-322-7988; Fax 0xx41-323-2124

e-mail:faep@faep.com.br.

3)- RELATÓRIO DAS DISCUSSÕES:

O Dr. Vicente Miranda, Secretário Geral da FAEP, em nome da diretoria abriu a reunião, agradecendo a presença de todos e desejando um bom trabalho.

O Dr. Silvio, Presidente da Comissão Técnica de Cana-de-Açúcar da FAEP agradeceu a presença de todos e informou que a criação do Grupo foi um dos pleitos surgidos nos Seminários do Setor Sucroalcooleiro promovidos pela FAEP e ALCOPAR no ano passado, para promover os levantamentos dos preços a níveis de produtor e de indústria, para servir de base para à orientação dos preços a serem pagos aos produtores fornecedores de cana e aos arrendadores de terra. Informou que a Alcopar, Sialpar e Siapar indicaram seis (6) representantes para participar do grupo e a Comissão Técnica da FAEP também indicou seis (seis) representantes, estando todos os nomes relacionados acima.

O Dr. Silvio M. Lembi foi indicado por todos os membros para coordenar a presente reunião.

Após a apresentação de cada um dos presentes, cada membro fez um relato sobre seu entendimento do setor, dentre os quais se destacam:

Na seqüência o Dr. Sidney Meneguetti fez um complemento dos motivos da intenção da criação do Grupo e disse que todo processo atrasou, em função do próprio setor, não ter entendido bem qual seria o trabalho a ser desenvolvido e, principalmente, qual seria o resultado. Por isso que só agora o processo está sendo deslanchado.

Quanto ao Nome Oficial do Grupo, após algumas discussões onde todos participaram, ficou definido o nome de CONSECANA-PARANÁ Conselho dos Produtores de Cana-de-Açúcar, Açúcar e Álcool do Estado do Paraná. No entanto, por sugestão do Dr. Paulo, deve-se consultar oficialmente o CONSECANA DE SÃO PAULO, para que nós possamos utilizar esse nome, já que a marca é deles. A FAEP fará essa consulta.

Após essa definição passou-se para a composição da Diretoria Provisória do Grupo ou Conselho, que num período de seis (6) meses, a partir do início de março, deverá coordenar toda a montagem do Conselho Paranaense, como oficialização do nome, elaboração dos Estatutos, do Regimento Interno, da criação da Câmara Técnica, entre outros.

Após as discussões a Diretoria Provisória ficou assim composta:

Presidente: SILVIO MUNHOZ LEMBI ;

Vice-presidente: DAGOBERTO DALMAR PINTO;

1 Diretor Secretário: PAULO MISQUEVIS

2 Diretor Secretário: IRIMAL A . BASSO.

O Dr. João L. R. Biscaia, Diretor da FAEP, saudou do Grupo e disse que no horário marcado para iniciar a presente reunião, estava em outra na sede da FIEP. Desejou sucesso ao grupo e um bom trabalho.

A seguir o Presidente já empossado informou que a Universidade Federal do Paraná apresentou um plano de trabalho, dividido em três etapas, sendo:

1- Informações com periodicidade anual (PROJETO A):

Cálculo anual do custo de produção da cana-de-açúcar, por hectare e por tonelada, por diferentes regiões e por diferentes tipos de produtores;

Cálculo anual dos custos industriais para a produção de açúcar e álcool, segundo as diferentes escalas de produção;

Determinação anual do "mix" de produção do açúcar e do álcool e de comercialização nos mercados interno e externo pelas Usinas do Estado.

2-Informações com periodicidade mensal (PROJETO B):

Coleta e divulgação mensal dos preços médios de comercialização, pelas Usinas de Açúcar e Álcool do Estado, dos seguintes produtos: Açúcar para os mercados interno e externo; Álcool Hidratado e Anidro para os mercados interno e externo; e

Monitoramento permanente do "mix" de produção e comercialização das Usinas de Açúcar e Álcool do Paraná.

3 -Outras Informações (PROJETO C):

Realizar pesquisas voltadas à adequação das normas técnicas do sistema CONSECANA para o Estado do Paraná, envolvendo itens como: rendimentos industriais segundo diferentes escalas de produção e variedades de cana-de-açúcar, percentagem de perdas no processo produtivo industrial, determinação da qualidade da "cana padrão", entre outros.

O Presidente disse da intenção de se contratar a UFP por ser uma Universidade Paranaense e que deverá se integrar ao setor, assim como por ser uma entidade neutra.

O Sr. Paulo perguntou sobre a proposta da ESALQ da Universidade de São Paulo e foi informado que a proposta daquela Escola só se dirigia para pesquisas e divulgação dos indicadores de preços e levantamento da estrutura atual dos mercados, uma caracterização do sistema de comercialização incluindo os diferentes níveis, tais como produtor, atacado, varejo, consumo final e industrial, compras para revenda ou processamento, dentre outros a serem identificados.

Após algumas discussões, o Grupo decidiu então que o trabalho deverá ser desenvolvido pela Universidade Federal do Paraná e os custos desses trabalhos serão rateados entre as Representações do Setor Industrial e do Rural.

Na segunda parte da reunião, os professores Canziani, Vania e Zambon, da Universidade Federal do Paraná, concluíram que a primeira parte do trabalho proposto levantamento dos custos para a fixação de um preço base para a cana-de-açúcar, para esta safra, está prejudicado em função do tempo exíguo.

A UFP propõem a realização do Projeto B, que consiste na coleta e divulgação mensal dos preços médios ponderados de comercialização, pelas Usinas de Açúcar e Álcool do Estado do Paraná, dos seguintes produtos: Açúcar Cristal Especial para os mercados interno externo; Álcool Hidratado Industrial, Álcool Hidratado Carburante, Álcool Anidro Carburante. Engloba ainda o monitoramento permanente do "mix" de produção e comercialização das Usinas de Açúcar e Álcool do Estado do Paraná.

Informaram que o projeto contém duas fases. A primeira compreende a identificação da estrutura e funcionamento do mercado, as formas de comercialização dos produtos do setor e o desenvolvimento de metodologia para coleta e processamento dos dados. A segunda fase consiste na implementação do sistema e a divulgação das informações pertinentes.

Solicitaram, no entanto, que as empresa do setor sejam comunicadas que a UFP irá visitá-las para efetuar as consultas necessárias, pois sem essas, fica difícil a realização do trabalho. Informaram, também, que os trabalhos de consultas seriam iniciados pela empresas que estão representadas no Grupo ou CONSECANA-PARANÁ.

Concluindo a apresentação, os professores informaram que na próxima reunião do Grupo, irão detalhar a metodologia de trabalho e ouvir a posição de todos quanto ao trabalho a ser desenvolvido.

O grupo voltou a se reunir no período da tarde e voltou a discutir várias incógnitas ainda existentes, como as apontadas pelo Dr. Sidney, como se irão seguir o modelo de São Paulo, se irão utilizar o critério 40 60 de São Paulo até que a UFP apure os custos reais no Estado; quanto as perdas industriais se irão analisar individualmente; eficiência e perdas; Cana Padrão; entre outros.

Após as várias discussões, sugeriu-se convidar os técnicos João Crisóstemo S. Rodrigues ou Anibal Pacheco de Almeida Prado, da Empresa Saccharum Planejamento e Consultoria S/C Ltda, da cidade de Jaú SP, para participar da próxima reunião, para desmistificar alguns números e detalhar os cálculos da cana padrão.

A próxima reunião do Grupo, após ajustes de agendas, ficou marcada para o dia 20 de março de 2000, às 9,00 horas, Segunda-feira, no auditório da FAEP/SENAR, em Curitiba.

Ante de terminar a reunião foi sugerido pelo Dr. Sidney que após a confirmação do nome Consecana-Paraná, que seja realizada uma reunião solene e ampla para a implantação do Conselho, convidando todas a autoridades das Entidades ligadas ao setor Sindicatos, Fiep, Secretarias de Estados, Canapar, Políticos etc., o que foi aprovado por todos.

O Presidente, Dr. Silvio, agradeceu a presença e a colaboração de todos e encerrou a presente reunião.

Adilson Ricardo

Economista Assessor do Grupo.